O MOVIMENTO DE HOJE é coisa de COMUNISTA VAGABUNDO e de iludidos úteis!

O MOVIMENTO DE HOJE, 11/07/13 é coisa de COMUNISTA VAGABUNDO USANDO ILUDIDOS ÚTEIS!

 Foto-Clarice-2A  palavra “democracia” vem há décadas sendo usada de forma inverídica e distorcida pelos sindicatos em suas manifestações e mais recentemente, quero dizer nos últimos 10 anos, pelo governo lulopetista constantemente, numa clara constatação da óbvia conclusão de que se trata simplesmente da velha ladainha doutrinária do rançoso pensamento comunista, comum nos discursos tanto dos sindicalistas como dos Lulopetistas, que na verdade são a mesma tranqueira com os mesmos parasitas e as mesmas varejeiras a sobrevoar num vôo cada vez mais rasante a opinião de brasileiros incautos.

Como foram derrotados e quase extirpados em 1964 pelo governo militar, rechaçados pelo sempre ordeiro povo brasileiro, que é visivelmente avesso ao comunismo, e não se dando por vencidos, por jamais haverem desistido do sonho de cubanizar nosso SOLO PÁTRIO, é que não se furtam ao uso das mais rasteiras estratégias para a

Lula, o cancro falando para vagabundos
Lula, o cancro falando para vagabundos

consecução de seus objetivos. Pelo fato de não poderem contar com o apoio popular para sua luta marxista dizendo a verdade de forma cristalina, pois isto implicaria em apontar as deficiências e mentiras daquilo que defendem, tentam iludir a população dando uma roupagem diferente para a vagabundagem e a ineficiência comunistas, onde todos tem o direito de mamar no governo até que ele sucumba por inanição causada pela sintomática escassez de recursos peculiar nesse regime, e pelo exaurimento da capacidade do estado de prover benefícios para um povo que aprendeu a exigir tudo do estado, trabalhar de menos e, principalmente, odiar o excedente de produção tão necessário ao crescimento econômico de qualquer nação inserida no contesto de globalização, e consequentemente ao retorno de benefícios sociais como fruto deste crescimento.

 É certo que a mesma democracia que usam indevidamente em seus protestos lhes garante o direito de manifestarem-se, mas também me garante o direito de repudia-lo com a mesma veemência. Estes salafrários que se dizem representantes do trabalhador não pensam duas vezes quando o assunto é paralização, greve e toda sorte de movimentos que impedem estes mesmos trabalhadores, que dizem representar, de exercerem o mais básico direito, que é justamente o de trabalhar, quando e da forma que quiserem.

images (1)ueuueujistgstgsgggÉ revoltante ver CUT, Força Sindical, CTB, CGTB, UGT e Conlutas, além do Movimento dos Sem-Terra levantando qualquer bandeira que não seja a do golpismo e do parasitismo contumazes. Estes sindicatos vivem da inescrupulosa cobrança compulsória e arbitrária de um dia de trabalho descontado em folha de todos que, diferentemente deles, labutam para que eles vivam do “dolce far niente” regado a bons vinhos e uísques estrangeiros em festas e  em jantares a que dão o nome de “reuniões de base” (entenda como reunião de vigaristas) que em nada contribuem para o trabalhador. Seu benfeitor, o ex-presidente Lula, mobilizou toda sua bancada no Congresso a custa de muito dinheiro injetado pelo esquema mensaleiro para a aprovação da manutenção dos benefícios para estes sanguessugas sindicais. Agora, deitados em berço esplêndido e com as burras cheias, não lhes faltam recursos para bancar a militância com seus bandeirões encarnados bradando palavras de ordem que fazem Goebels, Stalin e Che Guevara se contorcerem de êxtase e satisfação.

Mas o que se pode esperar de um protesto que exige redução da carga horária para 40 horas sem a devidaFORO DE SÃO PAULONNN contrapartida da redução proporcional do salario? Quem é que pagaria por isso? Claro que é o próprio trabalhador, pois ninguém produz, ninguém gera emprego onerado com tamanha carga de encargos trabalhistas para contabilizar prejuízos no final do período, sendo óbvio que tudo teria que ser repassado ao custo da produção que, é claro, seria repassado ao preço final do produto que o trabalhador teria que pagar.

Somente a demência comunista para reivindicar transporte gratuito e esperar que o empresário trabalhe de graça. É uma conversa tão idiota que não entendo como é que alguém com apenas um neurônio pode apoiar tanta asneira!!! Nesta mesma linha, pleiteiam a “democratização dos meios de comunicação”: outra sórdida mentira em que a palavra “DEMOCRACIA” é usada para mascarar e dar credibilidade à censura dos meios de comunicação. Este sonho decantado pelo FORO DE SÃO PAULO e que consta explicitamente no PNDH3, tenta fazer parecer que a submissão dos meios de comunicação ao critério de analise governamental sobre o que poderia ou não ser veiculado é um ato democrático, o que, em verdade, é exatamente o oposto disto. Imaginem se Lula teria permitido a veiculação de notícias sobre o mensalão. Claro que não!

Enfim, é a velha história do “ou o Brasil acaba com a saúva, ou a saúva acaba com o Brasil”! Basta substituir palavra saúva por PT ou por sindicato!

TERMINO COM A SEGUINTE PERGUNTA: alguém já soube da existência de algum comunista que gostasse de trabalho e que não sonhasse com uma boquinha em alguma estatal?

Anúncios

SEU COMENTÁRIO É IMPORTANTE - OBRIGADO

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s